Últimas

Bandes disponibiliza recursos para estruturação de terceirizadas


A terceirização de serviços é uma das alternativas que faz parte das estratégias corporativas das empresas que buscam mais agilidade, qualidade e especialização em todos os seus processos. Este modelo de trabalho apresenta grande oportunidade de negócios para pequenas e médias empresas tornarem-se fornecedores de empresas maiores. Para adequar sua infraestrutura e capacidade produtiva, estes pequenos e médios empresários contam com recursos do Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes).
Entre os modelos mais tradicionais de serviços terceirizados pelas grandes empresas estão os trabalhos de tecnologia da informação, de limpeza, recepção, manutenção predial e portaria. Entretanto, no segmento industrial, pequenas e médias empresas também tem a oportunidade de atuar como fornecedores, tornando-se responsáveis por parte do processo produtivo e de gestão.
No Bandes, as empresas que desejam se estruturar para atender clientes de maior porte ou atuar em parcerias com empresas de pequeno e médio porte podem contratar recursos para o investimento em máquinas, equipamentos, treinamento da equipe e aquisição de softwares e licenças, por exemplo. O investimento possibilita que a empresa fornecedora esteja apta para atuar junto ao cliente.
É importante destacar que a gestão de fornecedores é essencial para garantir um bom funcionamento dos fluxos estratégicos na rotina de uma organização em empresas que fazem contratação de fornecedores de produtos ou serviços. As principais vantagens para os contratantes são a redução de custos e a priorização dos recursos (humanos, financeiros, tecnológicos, etc). Desta forma, o empresário e sua equipe concentra-se nas atividades principais do negócio da empresa.
Na estruturação da empresa para atuar como fornecedora, além das linhas de crédito disponibilizadas pelo Bandes, o empresário pode procurar programas específicos de desenvolvimento e qualificação, afinal a análise do portfolio é fator decisivo nos processos seletivos. 

Governo do Es

Nenhum comentário