Últimas

Grávida, campeã olímpica Sarah Menezes se aposenta da seleção brasileira de judô

A primeira campeã olímpica do judô brasileiro se despediu oficialmente da seleção brasileira. Sarah Menezes, medalha de ouro em Londres 2012, se aposentou do time principal do Brasil ao ser promovida ao 6º dan da modalidade, honraria concedida pela Confederação Brasileira de Judô a medalhistas olímpicos que pararam de competir. Além da atleta piauiense, Leandro Guilheiro, duas vezes medalha de bronze em Olimpíadas - Atenas 2004 e Pequim 2008 -, colocou um ponto final em sua vitoriosa passagem pela Seleção. Ex-atletas e medalhistas em Jogos, Tiago Camilo, Flávio Canto e Carlos Honorato também foram condecorados com a faixa vermelha e branca.

Sarah Menezes, Flávio Canto, Leandro Guilheiro, Carlos Honorato e Tiago Camilo são promovidos ao 6º dan — Foto: Lara Monsores/CBJ

- Para mim, essa promoção é uma honra. Fico muito feliz e consigo relembrar do meu início no judô com nove anos de idade, uma carreira brilhante, altos e baixos também e, agora, essa conquista inédita. Só tenho que agradecer, pelos feitos que tive, pela minha carreira e a todos que estiveram comigo – declarou a campeã olímpica.
A CBJ informou que os cinco medalhistas olímpicos homenageados com o 6º dan, em cerimônia realizada em Pindamonhangaba, em São Paulo, fazem parte dos novos critérios de graduação estabelecidos pela entidade.

A portaria publicada pela confederação em novembro exige como critérios de escolha que o homenageado seja medalhista em Olimpíadas, tenha participado de pelo menos dois ciclos olímpicos e também tenha se aposentado como atleta da seleção brasileira.



MEDALHISTAS OLÍMPICOS PROMOVIDOS AO 6º DAN NO JUDÔ

Sarah Menezes: ouro em Londres 2012🥇

Leandro Guilheiro: bronze em Atenas 2004 e Pequim 2008 🥉🥉

Tiago Camilo: prata em Sidney 2000 🥈e bronze em Pequim 2008 🥉

Carlos Honorato: prata em Sidney 2000🥈

Flávio Canto: bronze em Atenas 2004🥉

HISTÓRIA NA SELEÇÃO

Titular da seleção brasileira de judô nos últimos 15 anos, Sarah Menezes disputou as Olimpíadas de Pequim, em 2008, mas viveu seu auge quatro anos mais tarde ao conquistar a medalha de ouro na categoria até 48kg, em Londres. Estrela do judô nacional, a piauiense lutou pelo bicampeonato olímpico na Rio 2016, mas ficou em 7º lugar.

Sarah Menezes Rio 2016 — Foto: Marcio Rodrigues/MPIX/CBJ

Noiva do judoca francês Loic Pietri, Sarah Menezes anunciou há poucas semanas que está à espera de Nina, sua primeira filha. O Flamengo informou que, mesmo aposentada da seleção, a campeã olímpica segue vinculada como atleta ao clube carioca.


Globo Esporte

Nenhum comentário