Últimas

Servidor da Sefaz é destaque no tênis em cadeira de rodas

Quem vê o servidor terceirizado da Secretaria da Fazenda (Sefaz) Anderson Oliveira Gonçalves analisando os pagamentos dos contratos da Sefaz ou mesmo se transitando tranquilamente entre um andar e outro pode não imaginar que ele é uma fera nas quadras. Anderson Gonçalves é destaque no tênis em cadeira de rodas, modalidade paralímpica praticada por cadeirantes.

Recentemente, ele foi campeão da consolation na Copa BRB de Tênis Profissional em Cadeira de Rodas (3ª etapa, na catedoria Quad), disputada em Brasília. “Foram três competições diferentes do dia 05 ao dia 13 de dezembro. Fui campeão da consolation na 3ª etapa, vice-campeão de duplas na 2ª etapa e vice-campeão de duplas na Supercopa”, disse Gonçalves, orgulhoso dos resultados.

Vítima de poliomielite, também chamada de paralisia infantil, Anderson Gonçalves começou a praticar esportes paralímpicos em 1994. “Comecei com basquete em cadeira de rodas e cheguei a participar da seleção capixaba. Depois, em 1998, quando entrei na Sefaz, conheci o tênis em cadeira de rodas e, por um tempo, consegui conciliar os dois esportes. Parei em 2000 e voltei somente em 2018”, lembra.

Em 2020, Anderson Gonçalves foi contemplado com uma bolsa do programa Bolsa Atleta, da Secretaria de Esporte e Lazer (Sesport), o que o ajudou a manter os treinamentos. “A bolsa do Governo é muito importante, assim como o apoio que recebo da Sefaz para poder participar das competições. Sou muito grato por isso”, conta o servidor e paratleta.

Planos

Com 2020 chegando ao fim, Anderson Gonçalves já traçou planos para 2021. “Se tudo der certo, vou conseguir novas bolsas e patrocínios para investir em equipamentos e materiais, me aperfeiçoar física e tecnicamente para me tornar campeão principal da categoria e seguir levando para frente o nome do Espírito Santo e da Sefaz”, afirma.

Assessoria de Comunicação da Sefaz




Nenhum comentário