Navio em quarentena no ES: metade dos tripulantes testam positivo para covid-19


Dos 22 tripulantes do navio Robert Robert Maersk, que está isolado no Cais de Paul, em Vila Velha, 11 testaram positivo para o novo coronavírus.

Dois deles, que apresentaram os sintomas primeiro, continuam internados. Segundo a Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa), o estado de saúde é estável.

A embarcação da Dinamarca, que transporta granéis líquidos, como gasolina e etanol, veio do Porto de Santos e chegou ao Espírito Santo na última segunda-feira (26).

Segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), após os dois primeiros resultados positivos, foi solicitada a testagem de todos à bordo, que resultou em outros 9 positivados, sendo um total de 11 casos dentre os 22 tripulantes.

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) informou que os tripulantes que testaram positivo para a doença serão submetidos a uma nova testagem em 14 dias e, caso haja algum resultado positivo no grupo, será necessário realizar uma nova quarentena.

A Sesa informou ainda que, em relação à investigação de novas variantes, o protocolo do Ministério da Saúde exige investigação de passageiros apenas da África do Sul, Reino Unido e Índia.

Anvisa permitiu o descarregamento do combustível

Após avaliação sanitária, a Anvisa permitiu, desde que mantidos todos os protocolos sanitários vigentes, que seja finalizado o descarregamento do combustível contido no navio.

Foto: Reprodução / TV Vitória

A operação é totalmente mecanizada, sem contato humano. Segundo a Anvisa, após o término do descarregamento, a embarcação será deslocada para a área de fundeio do porto, onde finalizará a quarentena.

A Anvisa determinou que o navio seja desinfectado e fique em quarentena.

Há dois meses, hotel de Vitória foi isolado após indianos testarem positivo para covid-19

Em maio deste ano, um hotel localizado na Praia de Camburi, em Vitória, foi fechado após três indianos apresentarem sintomas de covid-19. Eles foram testados e apenas um teve o diagnóstico confirmado.

O grupo de indianos, composto por um comandante e dois marinheiros, chegou ao Espírito Santo em um voo vindo de São Paulo. Eles levariam um navio atracado no litoral capixaba para a Índia.

Foto: TV Vitória

Hotel localizado em Camburi foi isolado em maio deste ano

Ao todo, 94 pessoas ficaram isoladas no hotel desde a confirmação de que o hóspede indiano estava infectado com o novo coronavírus. Todos elas foram submetidas a testes RT-PCR, que foram realizados na área da piscina.

De todas as pessoas que estavam isoladas no hotel, apenas um dos três indianos testou positivo para a covid-19.

Um exame feito pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), em uma amostra desse indiano, apontou que ele foi infectado com a variante P1 do coronavírus, identificada primeiramente no Amazonas.

FV



Postagem Anterior Próxima Postagem