Últimas

Receita Federal vai abrir 699 vagas com salário de até R$ 21 mil

Chances serão para os cargos de auditor fiscal e analista tributário, e a expectativa é de que o edital saia em setembro.


O esperado concurso da Receita Federal, que não realiza seleção desde 2014, deve se tornar realidade ainda neste ano. O órgão confirmou, segundo o site Direção Concursos e o Portal IG, que vai lançar edital, provavelmente em setembro, para nomear os aprovados no ano que vem.

Oficialmente, a Receita não comenta sobre o assunto, mas as tratativas com o governo federal estão avançadas para que o edital seja publicado neste semestre, segundo fontes ligadas às carreiras fiscais. A solicitação é para a abertura de 699 vagas e está em análise pelo Ministério da Economia.

A expectativa é de que haja oportunidades para os cargos de auditor fiscal e analista tributário, ambos de nível superior. Os salários iniciais chegam a R$ 21 mil.

De acordo com o Sindifisco Nacional, entidade sindical representativa dos auditores fiscais da Receita Federal, havia expectativa de que as nomeações dos novos servidores ocorressem ainda neste ano, mas o cronograma foi adiado por questões orçamentárias.

Segundo o Sindifisco, no início do mês, em reunião com a entidade, o subsecretário-geral da Receita, Décio Rui Pialarussi, havia informado que o concurso estaria “praticamente autorizado”.

De acordo com o sindicato, a Receita planeja obter a autorização para realização do concurso em agosto, após a conclusão do Projeto de Orçamento da União (PLOA) para 2022.

“A expectativa é que o edital seja publicado em setembro próximo, possivelmente com as nomeações ainda no 1º trimestre de 2022”, afirmou o Sindifisco.

A princípio, as vagas devem ser ofertadas em regiões de fronteira, com a remoção interna dos servidores que atuam nesses locais para outras localidades, o que é um pleito da categoria.

Concorrência

Segundo o diretor do Q&C Concursos, José Quirino, o concurso da Receita tem um nível alto de exigência e a preparação tem de ser antecipada o máximo possível.

“É um concurso que não é para aventureiros. Não só pelo salário, mas pela quantidade de matérias. O concurso vai exigir uma doutrina muito pesada, além da prova discursiva exigente. Tem gente estudando desde 2014”, disse.

Solicitação

O processo de solicitação do concurso da Receita Federal está avançado, e o sindicato nacional da categoria prevê a possibilidade de o edital ser publicado em setembro, com nomeações em 2022.

Cargos e vagas

A previsão é de 699 vagas, para cargos de nível superior.

Auditor fiscal: conforme o último edital, o cargo exige nível superior em qualquer área. A remuneração é de R$ 21.029.

Analista tributário: exigência de ensino superior em qualquer área, conforme o último edital. Salário inicial de R$ 12.142.

Etapas

A última seleção contou com prova objetiva, discursiva e curso de formação.

O último concurso para auditor fiscal foi realizado em 2014. Já para analista tributário, a última seleção foi aberta em 2012.

Entre as disciplinas presentes, estão Português, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), Raciocínio Lógico Quantitativo, Administração Geral e Pública, Direito Constitucional, Direito Administrativo. Além disso, é preciso ter conhecimentos específicos, como Direito Tributário, Auditoria, Contabilidade Geral e Avançada, Legislação Tributária, Comércio Internacional e Legislação Aduaneira, entre outros.

Na última seleção, em 2014, a prova discursiva teve duas questões referentes a Direito Tributário e Comércio Internacional e Legislação Aduaneira.

Tribuna Online