Atacante faz gol e homenageia amigos que morreram em incêndio no Ninho do Urubu; VEJA

Tallison Cauã, do Santa Cruz de Natal, exibe camisa em homenagem a amigos que morreram no incêndio no Ninho do Urubu — Foto: Ricardo Oliveira

O atacante Tallison Cauã fez um bonito gol na vitória do Santa Cruz de Natal sobre o Força e Luz, na segunda-feira, mas o que chamou atenção foi a homenagem feita pelo jogador potiguar às 10 vítimas do incêndio no Ninho do Urubu. A maior tragédia da história do Flamengo - que completa quatro anos no próximo dia 8 de fevereiro - matou 10 garotos entre 14 e 17 anos no CT do clube.

Tallison atuou nas categorias de base do Flamengo durante a temporada 2018 - morou por oito meses no mesmo alojamento - e conhecia todas as vítimas da tragédia.

Ao fazer o gol, mostrou uma camisa que contava com as fotos de todos os amigos que morreram no incêndio, acompanhadas de "Jogarei sempre por vocês" e "Nossos 10".

O atacante compartilhou as fotos da homenagem nas redes sociais (veja abaixo).

Tallison Cauã faz homenagem a amigos que morreram no incêndio no Ninho do Urubu — Foto: Reprodução

Tallison Cauã é natural de Pendências, a 203 km de Natal, e, além do Flamengo, passou pelas categorias de base de ABC, Palmeiras, Athletico-PR e Ceará.

Em 2023, foi integrado novamente ao elenco profissional do Santa Cruz de Natal - já havia defendido a equipe em 2020 - para a disputa do Campeonato Potiguar.

As 10 vítimas fatais do incêndio no Ninho:
  • Athila Paixão, de 14 anos
  • Arthur Vinícius, 14 anos
  • Bernardo Pisetta, 14 anos
  • Christian Esmério, 15 anos
  • Gedson Santos, 14 anos
  • Jorge Eduardo Santos, 15 anos
  • Pablo Henrique da Silva Matos, 14 anos
  • Rykelmo de Souza Vianna, 16 anos
  • Samuel Thomas Rosa, 15 anos
  • Vitor Isaías, 15 anos
Fonte: ge


Postagem Anterior Próxima Postagem