Últimas

Nota do Enem 2019 será usada para seleção do Nossa Bolsa do Governo do ES


Os interessados em concorrer a uma bolsa para graduação em faculdades particulares do Espírito Santo poderão se inscrever no Programa Nossa Bolsa no período de 29 de janeiro até 03 de fevereiro.  As inscrições serão feitas exclusivamente pela internet.


O Governo Federal divulgou, na última sexta-feira (17), as notas das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2019. O resultado será utilizado para a seleção do Programa Nossa Bolsa, do Governo do Espírito Santo, que oferta 1.700 bolsas em 39 instituições particulares de Ensino Superior presentes no território capixaba para 2020. As inscrições começam no dia 29 de janeiro e vão até 03 de fevereiro pelo www.nossabolsa.es.gov.br.

Para se candidatar a uma bolsa, o candidato precisar ter atingido a nota mínima de 500 pontos, na média aritmética das quatro provas objetivas do Enem 2019, e de 450 pontos, na prova de redação. É necessário informar o número de inscrição do Enem na hora de se cadastrar no processo seletivo do Nossa Bolsa.

Pode concorrer às bolsas quem reside no Espírito Santo e concluiu o Ensino Médio no Estado, tanto na rede pública quanto na rede particular, na condição de bolsista integral. Também podem participar do processo candidatos que concluíram o curso técnico em um Centro Estadual de Educação Técnica (CEETs) do Espírito Santo, e também os que cursaram o Ensino Médio ou Técnico nas escolas do Movimento de Educação Promocional do Espírito Santo (Mepes).

Não é permitida a participação de candidatos que já possuam outro diploma de graduação, nem de selecionados em edições anteriores do programa e que abandonaram o curso. O programa também não realiza a contratação de selecionados que estejam matriculados em outro curso superior, nem dos que já foram contemplados por outros programas de bolsa de graduação ou de financiamento estudantil.

Inscrição
Em 2020, as inscrições para o Programa Nossa Bolsa devem ser feitas apenas pela internet. É necessário que o candidato se cadastre no Acesso Cidadão, que é o sistema de cadastro do Governo do Estado para participação em programas, concursos e outros serviços.

Diferente das últimas seleções, o candidato só precisará entregar a documentação exigida se for selecionado dentro do número de vagas ofertadas. O período para se inscrever tem início no dia 29 de janeiro e segue até 03 de fevereiro, devendo o candidato se cadastrar pelo www.nossabolsa.es.gov.br.

Vagas e cotas
Se o grupo familiar do candidato possui renda per capita de até um salário mínimo, ele poderá concorrer a bolsas integrais que cobrem 100% da mensalidade. Se a renda per capita for de até três salários mínimos, o aluno poderá concorrer a bolsas parciais de 50%.
O processo seletivo do Nossa Bolsa prioriza o ingresso de pessoas que morem em bairros com alto índice de vulnerabilidade social e de quem se autodeclara, no ato da inscrição, como afrodescendente. Por isso, é preciso informar o Código de Endereçamento Postal (CEP) para verificar se o candidato está em um bairro atendido pelo Programa Estado Presente, conforme o Anexo II do edital (página 21).

Lista de espera
A principal novidade para 2020 será a inclusão de uma terceira fase de matrícula, além da convocação dos candidatos aprovados nas etapas regulares. Haverá a lista de espera para as vagas que não forem preenchidas, mesmo após as duas chamadas iniciais previstas.

Porém, é necessário que o candidato manifeste interesse novamente na vaga, por meio do site do Nossa Bolsa. Caso contrário, o interessado não participará da lista de espera, mesmo que sua pontuação seja superior aos convocados nessa fase.

SERVIÇO
Edital Fapes nº 17/2020 - Programa Nossa Bolsa
Inscrições de 29 de janeiro a 03 de fevereiro de 2020
www.nossabolsa.es.gov.br

Assessoria de Comunicação da Fapes





Nenhum comentário