Últimas

Apoio da população é importante para eliminar focos do mosquito da dengue



O Aedes aegypti é o mosquito responsável pela transmissão de diversas doenças infecciosas, como a dengue, zika e chikungunya, atingindo milhares de brasileiros todos os anos. Para evitar a proliferação do mosquito, é necessário que medidas simples sejam adotadas pela população.
De acordo com o Ministério da Saúde, 80% dos criadouros estão nas residências. O chefe do Núcleo Especial de Vigilância Ambiental, Roberto Laperriere Júnior, alerta que a limpeza dos quintais e objetos que acumulam água devem ser realizados semanalmente, interrompendo o ciclo biológico do mosquito.
“É importante minimamente fazer a limpeza  semanal, pois temos que considerar o ciclo biológico do mosquito que ocorre entre três a oito dias. Eliminando o foco nesse período, conseguimos inibir a proliferação”, destacou Laperriere Júnior.
Assim, é importante que cada cidadão se empenhe nesse processo, mantendo as calhas sempre limpas; as caixas d’água bem vedadas; verificar se não existe água acumulada nas lajes; escovar as bordas das vasilhas de água e comida de animais; descartar lixos, entulhos e pneus nos locais adequados, por exemplo.


Assessoria de Comunicação da Sesa




Nenhum comentário