Últimas

Sedes participa do lançamento da Rota Estratégica do setor de confecção, têxtil e calçado



O secretário de Estado de Desenvolvimento, Marcos Kneip, acompanhou, nesta terça-feira (1º), o lançamento virtual da Rota Estratégica de Confecção, Têxtil e Calçado, evento promovido pela Federação das Indústrias do Espírito Santo (Findes), por meio do Instituto de Desenvolvimento Educacional e Industrial do Espírito Santo (Ideies).

O Rota Estratégica faz parte do Plano de Desenvolvimento Estratégico da Indústria do Espírito Santo 2035 – Indústria 2035 e traçou os caminhos que o setor de confecção, têxtil e calçado deverá percorrer nos próximos anos para se desenvolver em toda a sua potencialidade. Esse caminho está representado no roadmap, com as ações de curto, médio e longo prazos a serem desenvolvidas. Em sua fala, o secretário Marcos Kneip destacou a importância do projeto.

“Quero parabenizar essa nova publicação da Findes. Trata-se de uma entrega importante para o setor. Nós acompanhamos no intuito de colocar em execução os estudos e diagnósticos que já foram mapeados no roadmaps, bem como as ações determinadas. Desta forma, a equipe da Sedes tem trabalhado para trazer essas informações para dentro do Governo e buscar soluções com o setor produtivo. É nosso dever utilizar este material com tamanha gama de informações e riquezas de detalhes e soluções. Por fim, quero parabenizar a todos por este trabalho e dizer que a Sedes está sempre à disposição no sentido de buscar soluções para o setor”, disse Kneip.

Durante a apresentação do plano, o diretor executivo do Ideies, Marcelo Saintive, ressaltou que o setor de confecção, têxtil e calçado é responsável por 11,2% dos empregos industriais no Espírito Santo. “Além disso, são mais de mil estabelecimentos industriais no Estado, o que corresponde por 14% das indústrias, a maioria de micro e pequeno porte (83,5%). Só esses dados de empregos e de estabelecimentos mostra a importância do setor tão tradicional na indústria capixaba. São dados interessantes que a Findes escolheu como setor prioritário no lançamento da rota estratégica nesse primeiro ciclo”, afirmou Saintive.

“O setor está presente na maioria dos municípios capixabas e entre os que mais se destacam na geração de emprego estão Colatina, Vila Velha, São Gabriel da Palha e Cachoeiro de Itapemirim. É importante chamar atenção que o setor emprega oito mil mulheres, sendo considerado o setor que mais emprega o gênero feminino no Estado em termos de empregos industriais”, contou Saintive.


Governo ES

Nenhum comentário