Últimas

Aderes entrega avental e máscaras para associações de catadores do Estado


A Agência de Desenvolvimentos das Micro e Pequenas Empresas e do Empreendedorismo (Aderes), em parceria com a Secretaria da Justiça (Sejus) e a ArcelorMittal, iniciou a entrega, nesta segunda-feira (18), de um kit contendo um avental e duas máscaras para cerca de mil catadores organizados de materiais recicláveis do Estado.

As primeiras associações a receberem os equipamentos de proteção individual (EPI) foram: Associação de Catadores de Material Reciclado do Município de Vitória (Amarv), Associação de Catadores de Materiais Recicláveis da Ilha de Vitória (Amariv), Associação de Catadores de Material Reciclável de Vitória (Ascamare) e Recicla Capixaba.

Segundo o diretor-presidente em exercício da Aderes, Hugo Tofoli, a entrega dos aventais e das máscaras vai fortalecer os equipamentos que integram a segurança dos empreendedores. “Essa é uma atividade muito importante para o Estado, que representa a base do desenvolvimento sustentável, a inclusão social, além de ter um pilar econômico e ambiental, que é uma preocupação que todas as pessoas devem ter. Nesse sentido, fortalecer e desenvolver ações que trazem benefícios para os catadores organizados é importante até para o reconhecimento da sociedade”, ressaltou o diretor da Aderes. 

Hugo Tofoli lembrou ainda que outras ações que vão beneficiar a categoria estão sendo trabalhadas. “As associações vão receber assessoria de instituições, que vão trabalhar no auxílio da organização administrativa, além do trabalho em rede. Isso representa uma gestão mais eficiente e mais competitividade para as associações”, frisou.

Para o presidente da Rede de Economia Solidária dos Catadores Unidos do Espírito Santo (Reunes), que também está no comando da Amariv, Lúcio Heleno Barbosa dos Santos, o uso dos EPI’s é de extrema necessidade por parte dos trabalhadores. “A gente trabalha em contato direto com os resíduos descartados pela população e, como não sabemos como esse material vai chegar para nós, utilizar os equipamentos de segurança se torna fundamental para sua própria proteção”, afirmou Lúcio dos Santos.

Já a presidente da Amarv, Maria Aparecida da Silva Pereira, contou que, além dos aventais, contribuir para a segurança dos catadores vai economizar o uniforme deles. “Receber esses aventais significa proporcionar uma melhoria no trabalho dos catadores. Vamos ficar protegidos e, ao mesmo tempo, ter nosso uniforme mais limpo, já que trabalhamos direto com os resíduos”, afirmou a presidente da Amarv.


Governo ES