Últimas

Com apoio do Bandes, empresa de mármore e granito de Cachoeiro moderniza parque industrial


A cadeia produtiva de rochas ornamentais é uma das mais tradicionais e importantes da economia capixaba, reunindo uma ampla variedade de empresas extratoras e beneficiadoras de norte a sul do Estado.

Atuando no segmento há 14 anos, a empresa Caliman Pedras do Brasil, de Cachoeiro de Itapemirim, na região sul do Estado, contou com recursos do Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes) para investimento na modernização de seu parque industrial, com a compra de maquinário moderno e que traz ganho de produtividade para o negócio.

Atuante no mercado de beneficiamento e comercialização de rochas ornamentais, a empresa tem em sua linha de produtos uma variedade de mármores e granitos disponíveis em chapas brutas e polidas, além de ladrilhos padronizados. O valor contratado com o Bandes, de R$ 1,8 milhão, será empregado no investimento para a modernização do parque industrial, na diminuição de custos operacionais e de produção, na melhoria de produtividade, na qualidade do produto ofertado e no desenvolvimento tecnológico da empresa.

Com o papel de fomentar a integração da cadeia, especialmente no que diz respeito à modernização do segmento de marmorarias, o Bandes vem atuando na contribuição para a mudança do paradigma tecnológico do setor.

A disponibilidade de recursos de crédito possibilita às empresas viabilizarem a expansão e a diversificação de mercados de setores já internacionalizados, como é o caso das rochas ornamentais. “O Bandes trabalha para dar oportunidade a empreendedores de norte a sul do Estado, para que tenham condições adequadas de investimento e melhora de seus empreendimentos. É papel institucional do banco promover o desenvolvimento regionalmente equilibrado e esse passa pelo fortalecimento das cadeias produtivas, como a do APL (Arranjo Produtivo Local) de Rochas Ornamentais”, destaca o gerente Comercial e de Relacionamento do banco de desenvolvimento capixaba, Miguel Porcaro.

Apoio ao setor

Historicamente parceiro do setor de rochas ornamentais, o Bandes vem, nos últimos anos, consolidando ainda mais sua atuação junto ao arranjo produtivo. Neste ano, já foram cerca de R$ 40 milhões contratados para empresas do polo de Cachoeiro, mas também para outros players do Estado, como Barra de São Francisco e Nova Venécia.

Além das tradicionais linhas de crédito voltadas ao capital de giro, o Bandes inova trazendo a possibilidade de financiamentos para processos de inovação nas empresas e práticas de eficiência energética, como a instalação de placas fotovoltaicas, que ajudam a reduzir o custo de produção. As condições das linhas, prazos, taxas e demais informações estão acessíveis no site do Bandes.


Governo ES

Nenhum comentário