Últimas

Advogada atraiu ex-companheiro para atual namorado executá-lo, revela delegado

Foto: Reprodução Rede Social

A advogada Sara Frinhani está detida na 16ª. Delegacia Regional de Linhares suspeita de ter participado do assassinato do ex-companheiro, Alexandre Heitz Nascimento de 38 anos, comerciante tradicional do camelódromo, no centro de Linhares. Ela teria atraído a vítima até Sooretama, no trevo da localidade do Alegre, para o atual companheiro, Paulo Henrique Laurett, assassiná-lo. O homicídio foi registrado na manhã desta segunda-feira, dia 14.

As informações foram reveladas pelo delegado de Linhares, Fabrício Lucindo. De acordo com a Polícia, Alexandre teria sido atingido por seis facadas. Durante o crime, Paulo Henrique foi ferido, socorrido e levado para o Hospital Geral de Linhares (HGL) onde está sob escolta policial. Sara deverá ser encaminhada para o Presídio Feminino de Viana, e Paulo Henrique assim que tiver alta também deverá ser levado para o presídio.

Circulam nas redes sociais diversos áudios com ameaças da advogada ao comerciante. O delegado confirmou que eles realmente são de Sara Frinhani. Lucindo revelou ainda que a vítima possui um extenso currículo de agressões e ocorrências vinculadas à Lei Maria da Penha. Uma representante da Seccional Regional Linhares da ordem dos Advogados do Brasil (OAB) esteve na Delegacia para acompanhar o caso.


Site de Linhares