Últimas

Vila Pavão: Pandemia faz aumentar a procura por ervas medicinais no município


Horta Municipal de Vila Pavão mais de 130 espécies medicinais cultivadas

A procura por produtos derivados de plantas medicinais está crescendo durante a pandemia do coronavírus, uma vez que, as pessoas estão procurando fortalecer o sistema imunológico. A constatação é da terapeuta holística, Genilza de Fátima Matiello que coordena o Departamento de Saúde Natural Preventivo de Vila Pavão, setor vinculado à Secretaria Municipal de Saúde que se dedica especificamente à produção de matéria prima para a fabricação de medicamentos fitoterápicos e chás para atender a demanda da população de Vila Pavão e região.


O costume de usar a flora no tratamento de problemas de saúde é uma prática ligada à tradição popular brasileira e os medicamentos fitoterápicos —aqueles produzidos diretamente a partir de plantas foi incorporado ao receituário do Sistema Único de Saúde (SUS), com boa receptividade.
A horta medicinal ganhou destaque nesse período de pandemia devido a variedade de espécies medicinais que produz e aos seus efeitos comprovadamente benéficos à saúde. O crescente desenvolvimento do setor, criado em 2003, em parte se deve, à conscientização de  que a prevenção é a melhor forma de combater as doenças.

“A ameaça do coronavírus está afetando o psicológico das pessoas, por isso, elas estão buscando alternativas para se protegerem da contaminação. O interessante disso e que se você aumenta a imunidade de seu organismo, você combate também outras doenças”, argumenta a terapeuta.
As plantas mais procuradas para chás, no momento atual, naturalmente são aquelas com o poder de aumentar a imunidade e as com propriedades calmantes, como o saião, folha de fortuna, ora-pro-nóbis, bardana e outras.  “Nunca se ouviu falar tanto em aumentar a imunidade. As pessoas estão procurando as plantas para fortalecer e tonificar o organismo a fim de combater o coronavírus. Também as plantas com efeito calmante, estão sendo muito procuradas, já que o isolamento social e o pânico coletivo causado pela doença, provocam medo e uma ansiedade muito grande nas pessoas”, relata Genilza.

A horta municipal
O Departamento de Saúde Natural Preventivo do município, mesmo com pessoal reduzido, em decorrência da pandemia, renovou a horta municipal.
Atualmente são cultivadas cerca de 130 espécies de plantas medicinais, que após a colheita, são processadas  no espaço terapêutico, cuja sede está instalada em terreno da Igreja Luterana (Igrejona), e se transformam em fitoterápicos que são repassados à população a preços simbólicos na "Casa Verde” e na farmácia do Grupo Espaço e Saúde da Igreja Luterana

Coquetel de plantas
Os efeitos terapêuticos das ervas, em breve estarão disponíveis para a população de Vila Pavão em forma de um coquetel plantas. O Departamento de Saúde Natural Preventivo do município está trabalhando na produção de um preparado para ser distribuído às pessoas interessadas. O produto deverá ser utilizado em forma de chá. A previsão é que esteja disponível no Posto de Saúde da cidade num prazo de 20 dias.

Com Informações Prefeitura de Vila Pavão




Nenhum comentário