Últimas

Vendas Do Comércio Capixaba Crescem Pelo Segundo Mês Seguido, Aponta Ibge



Em meio à pandemia do novo coronavírus (Covid-19) o volume de vendas no varejo capixaba, pelo segundo mês seguido, apresentou recuperação no mês de junho. As informações são da Pesquisa Mensal de Comércio, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 
Vale lembrar que o setor foi um dos mais afetados em meio às medidas de distanciamento social, impostas para evitar aglomerações e o contágio da Covid-19.
Em junho, de acordo com os dados, as vendas cresceram 6,7% em relação a maio deste ano. Já em comparação com o mesmo período de 2019, as vendas também dão sinal positivo, com uma alta de 7,3%. 
A alta, por sua vez, coincide com o período de flexibilização dos setores da economia. Em maio, por exemplo, o comércio passou a funcionar de forma alternada para os municípios de alto risco de contaminação, entre eles, os da Grande Vitória.
Entre as atividades que registraram as maiores altas em relação com junho de 2019, estão: materiais de construção (91,7%); hipermercados e supermercados (17,6%); tecidos, vestuário e calçados (14,8%); e móveis e eletrodomésticos (13,4%). 
Por outro lado, as atividades em território capixaba que registraram as piores baixas em relação com junho de 2019, são: livros, jornais, revistas e papelaria (-21,5%); combustíveis (-20,9%); e artigos de uso pessoal e doméstico (-20,8%). 

Com Informações ES Hoje

Clique aqui
 e receba nossos conteúdos diariamente




Nenhum comentário