Últimas

Sedes lança projeto ES 100% Empreendedor e cartilha de atração de investimentos em evento com novos prefeitos


O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento (Sedes), lançou, nesta terça-feira (22), a cartilha “Atração de Investimentos para os Municípios” e o projeto “Espírito Santo 100% Empreendedor”, durante evento realizado pela Associação dos Municípios do Estado do Espirito Santo (Amunes) e pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Espírito Santo (Sebrae-ES). O evento, transmitido on-line, reuniu novos gestores municipais de 78 cidades do Estado. As duas ações apresentadas fazem parte do Plano Espírito Santo – Convivência Consciente, que compreende um amplo pacote de medidas e ações estratégicas para promover de maneira eficiente a retomada da economia capixaba, com foco na geração de emprego e renda, unindo o poder público, setor produtivo e a iniciativa privada neste propósito.

Participaram do evento os representantes da Sedes, como o subsecretário de Estado de Integração e Desenvolvimento Regional, Paulo Menegueli; o subsecretário de Estado de Atração de Investimentos e Negócios Internacionais, Gabriel Feitosa; a subsecretária de Estado de Gestão de Projetos, Fabrine Schwanz; e o gerente de Desenvolvimento Regional, Leandro Tononi.

As ações lançadas pela Sedes foram destaque no Seminário de Novos Gestores, pois estão relacionadas ao empreendedorismo e como estimulá-lo a partir do apoio e iniciativa conjunta da administração municipal e estadual em cada cidade. O subsecretário de Estado de Atração de Investimentos e Negócios Internacionais, Gabriel Feitosa, apresentou a Cartilha “Atração de Investimentos para os Municípios”. O documento elaborado orienta com detalhes como a gestão municipal pode colaborar para garantir um ambiente econômico favorável para se tornar competitivo atraindo investidores.

“Quero parabenizar os gestores eleitos e suas equipes e colocar a Sedes à disposição para auxiliar no que for necessário. Tratando a atração de investimentos como um dos projetos prioritários do Governo do Estado, preparamos esta cartilha com o intuito de trazer um estímulo para os municípios. O documento já está disponível no site da Secretaria de Desenvolvimento e nele é possível encontrar conceitos importantes para a atração de novos negócios, entre eles: a viabilização de um ambiente de negócios favorável, identificação das vocações regionais, explanação sobre os incentivos fiscais e os processos para a prospecção”, disse Feitosa.

Já a subsecretária de Gestão de Projetos, Fabrine Schwanz, apresentou o projeto “ES 100 % Empreendedor”, que prevê a criação de uma rede visando à oferta de apoio aos municípios, interiorizando serviços, projetos e programas, sendo uma ferramenta para melhorar o ambiente de negócios, aumentando a competitividade das empresas locais e atraindo investimentos privados.

“O ES 100% Empreendedor permitirá aos novos gestores públicos acessarem uma importante ferramenta para a promoção do desenvolvimento local e a criação de um ambiente de negócios favorável, as Salas do Empreendedor. Com elas será possível concentrar em um único espaço todos os serviços voltados para o atendimento ao empreendedor do município, como acesso ao crédito, formalização de negócios, capacitações, orientações para a participação nas compras governamentais, incentivos fiscais, dentre outros serviços”, acrescentou Fabrine Schwanz.

ES 100% Empreendedor

O projeto compõe o eixo Geração de Emprego e Renda do Plano Espírito Santo, integrando uma rede de atores extremamente capilarizada em prol do desenvolvimento do Estado e fomento à economia local.

Serão alocados profissionais que atuarão diretamente nas microrregiões, os Indutores de Desenvolvimento – ID, que serão uma interface direta do Governo com os municípios, setor privado, meio acadêmico e diversas organizações da sociedade civil, apoiando a instalação e incremento das Salas do Empreendedor, e facilitando o processo de acesso ao crédito, à inovação, desenvolvimento local, por meio da interiorização dos serviços do Estado.

Para fortalecer e ampliar a Rede de Salas, será lançado um edital para promover a cessão de mobiliário e equipamentos para os municípios que tenham interesse em instalar ou equipar suas Salas, tornando-se o primeiro Estado do Brasil com 100% dos municípios com Sala do Empreendedor.

Plano Espírito Santo – Convivência Consciente

Apresentado, no dia 26 de novembro de 2020, pelo governador do Estado, Renato Casagrande, ao lado de autoridades e lideranças da sociedade civil, o Plano Espírito Santo – Convivência Consciente é um conjunto de ações envolvendo órgãos do poder público e o setor produtivo para promover o desenvolvimento econômico, priorizando as pessoas e com objetivo de reduzir os impactos sofridos pela população capixaba em decorrência da pandemia do novo Coronavírus (Covid-19).

São previstos quase R$ 33 bilhões em investimentos dos governos do Estado, Federal e do setor privado até o final de 2022. A estimativa é de que sejam criadas mais de 100 mil vagas de emprego.

O Plano é resultado de um grande pacto, que foi selado entre o poder público e o setor produtivo para o enfrentamento dos desafios impostos pela pandemia, exigindo que as ações sejam executadas a partir de uma visão interdisciplinar e multisetorial, com foco em respostas inovadoras.

Eixos

Ao todo, serão sete eixos de atuação: Desburocratização; Medidas Tributárias; Crédito e Financiamento; Monitoramento dos Impactos na Economia; Aceleração dos Investimentos Públicos e Privados; Inovação e Tecnologia e Geração de Emprego e Renda.

Confira a cartilha na íntegra.  


Governo ES